SEPARADOR 8
Série de artigos sobre a história da editora Romano Torres. Estes artigos breves são um contributo para a história da edição portuguesa, abarcando temas tão diversos como a censura a livros ou a descoberta duma nova ilustração de Almada Negreiros no acervo da Romano Torres.
Bibliografias temáticas sobre edição, salvaguarda patrimonial e arquivística específica. Série de bibliografias com interesse para a pesquisa nos domínios da edição contemporânea, da salvaguarda patrimonial e da arquívistica relativa à preservação dos acervos documentais da edição, realizadas no âmbito do Projecto Romano Torres.
Dicionário biográfico de colaboradores da editora centenária Romano Torres. Este dicionário apresenta um perfil da maioria dos colaboradores da Romano Torres, incluindo informação inédita (a partir das respectivas bibliografias activa e passiva) para autores (escritores), ilustradores, tradutores, antologiadores, coordenadores, editores e produtores.
Repertório de testemunhos de editores, livreiros, autores e leitores sobre o mundo da edição.  Recolha e sistematização de referências bibliográficas para testemunhos dos diversos agentes do mundo do livro no Portugal contemporâneo, incluindo hiperligações para o texto integral.
SEPARADOR 7
Este Kit Educativo, produzido pela Comissão Nacional da UNESCO, em colaboração com a UNESCO, o Centro Internacional de Eco-hidrologia Costeira da UNESCO (ICCE) e o CHAM — Centro de Humanidades da NOVA FCSH, é um manual didático para professores utilizarem na sala de aula, de forma transversal, sugerindo actividades desenvolvidas pelos alunos, onde as mesmas podem ser adaptadas e modificadas em função do contexto local e das necessidades de cada escola e de cada país. O Kit tem como objectivo principal consciencializar sobre os conteúdos da Convenção 2001 e o seu grande desafio será o compromisso estabelecido entre professores e alunos na criação de projectos e boas prácticas no âmbito da preservação do património cultural subaquático.O património cultural subaquático constitui-se, pois, parte integrante do património cultural da humanidade e um elemento imensamente importante na reconstituição do passado.
SEPARADOR 6
A pesquisa, inventário, estudo e divulgação da documentação histórica referente à história da presença portuguesa na região meridional de Marrocos foi uma das premissas essenciais de um dos projectos de investigação do CHAM. Nesta área reúne-se a base de dados de toda a documentação consultada, um inventário dos espécimes cartográficos e iconográficos disponíveis, publicam-se fontes históricas inéditas e disponibiliza-se em formato digital a importante colecção Les Sources Inédites de l’Histoire du Maroc.
SEPARADOR 5
No âmbito do projecto da Enciclopédia Virtual da Expansão Portuguesa, procedeu-se ao levantamento dos topónimos do Oriente existentes nos 4 volumes do Glossário Toponímico da Antiga Historiografia Portuguesa Ultramarina, da autoria do Visconde Lagoa, onde se identificam reinos, províncias, distritos, cidades, portos, vilas, aldeias, lugares, serras, mares, rios, lagos e baías designados em impressos e manuscritos da antiga historiografia portuguesa ultramarina com nomes distintos dos actuais. Com esta iniciativa procura-se garantir o livre acesso a uma adaptação desta publicação.
SEPARADOR 4
Projecto que pretende divulgar o conteúdo desta colecção depositada na Direcção Geral de Arquivos, de grande importância para o estudo da presença portuguesa no Oriente nos séculos XVII e XVIII. Sumariam-se os documentos referentes a 53 códices deste fundo.
SEPARADOR 3
As Genealogias dos Vice-Reis e Governadores do Estado Português da Índia no século XVI são parte integrante de um projecto mais vasto desenvolvido pelo CHAM, em parceria com o Departamento de Ciências Humanas do Instituto de Investigação Científica Tropical, que pretende estudar a origem e o estatuto dos principais oficiais que actuaram no Estado Português da Índia durante o século XVI.
SEPARADOR2
Este índice foi elaborado por Álvaro de Araújo Antunes e Márcio Roberto Alves dos Santos no âmbito das suas actividades de investigação nos Arquivos Nacionais da Torre do Tombo, em Lisboa. Trata-se de um laborioso trabalho que procura sugerir aos interessados algumas chaves e referências preliminares para percorrer o conjunto de documentos da coleção “Manuscritos do Brasil”.
SEPARADOR1
O objectivo do projecto consistia na transcrição paleográfica e edição crítica da epistolografia de oito jesuítas que, no último terço do século do século XVI e a primeira metade do século XVII, missionaram no Extremo Oriente.
Foram transcritas 115 cartas, num total de 523 páginas originais, que se encontram no Arquivo Romano da Companhia de Jesus, Arquivo Secreto do Vaticano, Biblioteca Pública de Évora, Real Academia de la História (Madrid), British Library, Biblioteca da Ajuda e Biblioteca Real de Bruxelas. Os textos foram transcritos a partir de microfilmes ou de digitalizações obtidos junto dos respectivos arquivos, ou já existentes na Filmoteca Ultramarina.